968565471077145
top of page

Como definir metas: passos para concretizar seus objetivos!

Você costuma se imaginar daqui a cinco ou dez anos? Pensa em algo que deseja fazer daqui a seis meses? Ou talvez esteja preocupado com as tarefas que precisa concluir amanhã? Para que isso se realize, dos menores aos maiores compromissos, é preciso saber como definir metas.


Em níveis diferentes, todos os dias, precisamos estabelecer metas e, logo em seguida, começar a trabalhar para alcançá-las. O simples fato de concluir uma tarefa do seu dia de trabalho é a concretização de sucesso em determinada meta.


Metas são quantificações específicas de algo que queremos alcançar. No geral, elas fazem parte de um objetivo, mas são mais precisas e podem estar relacionadas a qualquer coisa.


Da vida pessoal à profissional, as metas ajudam pessoas a chegar ao que elas desejam. Por isso, defini-las é importante para que se saiba exatamente o que deve fazer para alcançá-las.

A diferença para objetivos

Uma dúvida muito comum é a diferença entre metas e objetivos. Por mais que pareçam a mesma coisa, não são. Há fatores que ligam um conceito a outro e, geralmente, eles estão relacionados. Entretanto, são diferentes formas de alcançar alguma realização, em maior ou menor proporção.


Um bom exemplo de objetivo é conseguir maior qualificação profissional. Naturalmente, essa é uma ideia muito subjetiva e ampla, já que isso pode ser conseguido de diferentes formas. Ainda assim, é um objetivo concreto e palpável, que pode ser alcançado.


O que vai tirar o objetivo dessa ideia mais subjetiva e transformar em algo concreto é, justamente, a meta. Utilizando o exemplo dado, podemos definir que a primeira meta dentro do objetivo de conquistar qualificação profissional é realizar um curso específico.


Dessa forma, concluir esse curso será a meta que uma pessoa terá. Consequentemente, ela é parte de um objetivo maior e mais completo, que é o desenvolvimento profissional.


Nesse caso, ambos os conceitos se relacionam e se integram, mas a meta é sempre com um foco mais bem definido e é parte de uma trilha de esforços para chegar a um objetivo.


As especificidades das metas

Antes de saber como definir metas, é fundamental saber que ela é uma ideia muito mais concisa e, até mesmo, rigorosa. Isso acontece porque, quando falamos delas, a proposta é sempre trabalhar com uma realização muito clara, que deverá acontecer em um período específico. Além disso, os recursos necessários para alcançar essa meta devem também estar bem definidos.


Para saber como definir metas, é importante entender que elas devem ser bem definidas, com um plano de alcance e, principalmente, realistas. Do contrário, todo esse esforço pode gerar frustração e, no fim das contas, a meta não será alcançada.


Definir metas é importante para qualquer pessoa que precisa alcançar uma grande conquista. A seguir, entenda em alguns pontos como essa organização para chegar aos objetivos pode ser decisivo! Para isso, é preciso:


Manter o foco

Metas ajudam pessoas a manter o foco. Se você precisa conquistar algo, toda sua dedicação precisa ser direcionada a isso.


Muitas vezes, pelo cansaço, excesso de compromissos e outros fatores, é comum não se manter focado nessa conquista. No entanto, quando você define metas, seu desejo é quantificado, e isso ajuda a direcionar melhor todos os seus esforços, além de exigir planejamento.


Desenvolver um trabalho estratégico

Metas são pequenas conquistas dentro de um objetivo maior. Naturalmente, elas podem ser, por si próprias, maiores do que o normal. Independentemente disso, são parte de um planejamento de grande porte, ou seja, de uma estratégia. Quando ligadas a algo maior, metas são essenciais para guiar esforços e mensurar as conquistas ao longo do caminho.


Promover um desenvolvimento gradual

As metas também podem ser uma forma de tornar possíveis os objetivos de maior porte. Isso acontece porque, no geral, elas são pontos de conquistas que formam a trilha até o sucesso.


Dessa forma, você consegue impor a si próprio um desenvolvimento gradual, respeitando seu tempo, mas gerando resultados positivos. Isso ajuda a manter você motivado e no caminho certo!


Como definir metas que ajudem você a alcançar seus objetivos

Para garantir que os seus alvos sejam realistas e possam, de fato, ser alcançados, veja 14 dicas que você pode colocar em prática desde já.


1. Escolha metas importantes para você

Ninguém pode negar que um dos ingredientes essenciais para o cumprimento de uma meta é a motivação, principalmente, se o objetivo em questão for desafiador. É verdade que não se trata de agir com a emoção, e que é importante seguir um processo baseado em ações práticas e racionais para concluir o que foi estabelecido.


Mas tudo isso cai por terra quando não nos importamos o suficiente com a meta a ser buscada. Por isso, corte o mal pela raiz e não perca tempo definindo metas que não são essenciais para você ou para o seu negócio.


2. Siga o método SMART

O método SMART é uma forma muito útil de determinar alvos possíveis de alcançar e que tragam resultados reais para uma pessoa ou empresa. Como definir metas usando esse método? É bem simples, apenas garanta que elas sejam:

  • específicas: em vez de pensar em ideias vagas e abstratas, tenha objetivos certos e claros em mente. Isso vai facilitar muito o seu trabalho;

  • mensuráveis: não dá para alcançar uma meta sem acompanhá-la de perto, então, certifique-se de que seja possível medir o seu progresso ao buscar a meta;

  • alcançáveis: é importante que você seja realista e saiba o que terá condições de realizar;

  • relevantes: em que a sua meta vai influenciar a sua vida ou a vida de outros, ou seja, qual a relevância dela?;

  • temporais: qual o prazo para concluir a sua meta? Sem isso, fica mais fácil “empurrar com a barriga” e deixar as tarefas mais complicadas para depois.

3. Estabeleça prioridades

Nós até podemos tentar, mas não dá para fazer tudo ao mesmo tempo. Por isso, não insista em pensar que todas as suas metas têm a mesma importância e devem ser perseguidas ao mesmo tempo.


Como o prazo é limitado, o foco também precisa ser. Por isso, defina o que é mais importante e merece a sua atenção no momento.


Isso não significa que você deve se tornar obcecado por apenas um objetivo e não pensar em mais nada até cumpri-lo. É possível trabalhar de modo paralelo em metas completamente distintas, mas o bom senso deve prevalecer. Em vez de dez metas em conjunto, que tal se dedicar a duas ou três?


4. Quebre os objetivos em tarefas menores

Objetivos grandes podem parecer impossíveis de conquistar. Nesses casos, o que geralmente acontece é um ciclo vicioso que impede a pessoa de sair da inércia.


Nesse ciclo, o desafio parece imenso, o que pode resultar em falta de motivação: do que adianta agir sem ver resultados? Pela falta de resultados, tudo continua parecendo impossível e, assim, os objetivos nunca se cumprem!


A solução é quebrar metas grandiosas em tarefas menores e mais simples de executar. Quando você menos perceber, já estará bem mais perto do seu destino final.


5. Aprenda com o exemplo de outros

Os objetivos de cada pessoa variam muito, mas nem por isso você deve achar que não tem nada a aprender com o exemplo de outros. E não estamos falando apenas de aprender com os casos de sucesso, mas também, com as metas que alguém não conseguiu cumprir. O que foi feito certo ou errado? Como imitar ou fazer diferente?


Seja qual for o exemplo, de um empreendedor famoso ou de um parente seu, observe como os obstáculos dessas pessoas podem servir de lição para você. Assim, ao se deparar com desafios no meio de uma meta, será mais fácil saber o que fazer, em vez de simplesmente desistir ou se iludir, pensando que se dedicar a outra das suas metas é a resposta.


6. Escolha metas nas quais pode trabalhar agora

É muito bom pensar no futuro, mas a ideia é ser prático. Estabeleça metas que você pode começar a buscar desde já. Uma meta com a qual você só poderá começar daqui a um bom tempo tem outro nome: sonho.


Mas, então, quer dizer que não vale a pena fazer planos em longo prazo? Muito pelo contrário! Mesmo em um plano para o futuro, existem ações que você precisa tomar agora.


O alerta, aqui, é para que você não se prenda demais a ideais que você não pode se empenhar no momento e roubariam sua atenção de possibilidades que estão ao seu alcance.


7. Avalie as metas que já alcançou

Você talvez não perceba, mas provavelmente já alcançou muitas metas. Por um momento, tire o foco do que deu errado, e avalie tudo de positivo que você já conquistou.

Aprenda com as metas já alcançadas! O que você fez de bom que permitiu concluir o que havia planejado? Cometeu algum erro no meio do caminho que atrasou sua meta?


Anote até os detalhes envolvidos nas metas que concluiu, bem como os resultados que elas produziram. Isso vai dar a você mais confiança e força para continuar buscando os alvos atuais.


8. Não tenha medo de sonhar alto

As grandes realizações só são conquistadas por quem se atreveu a sonhar alto e trabalhar para que aquilo deixasse de ser apenas uma ideia. Então, não deixe de pensar grande. Se o seu desejo é fazer a diferença, apenas garanta que as outras dicas apresentadas aqui sejam seguidas.


Lembre-se sempre que, mesmo tendo uma meta elevada no momento, é importante traçar um percurso coerente para alcançá-la, com tempo e dedicação. Assim, você não vai ignorar valores importantes, e sim, dividir seus objetivos em tarefas menores e ter o foco necessário para cumprir cada uma delas até ver o resultado final.


9. Foque metas realistas

Suas metas precisam estar de acordo com sua realidade atual. Isso está relacionado ao tempo que você pode dedicar, aos esforços que está disposto a fazer, ao dinheiro que precisa investir, entre outros importantes fatores.


Não se trata de limitar suas metas, mas de torná-las realistas. Isso vai tornar o caminho muito mais viável, ainda que em alguns momentos ele seja difícil. Afinal, se você tem os recursos necessários e se sente pronto, só depende da sua dedicação para aquela meta.


10. Estabeleça um cronograma de ações

Saber como definir metas passa muito por entender o tempo em que elas deverão ser alcançadas. Por exemplo, se você quer alcançar uma meta em três meses, precisa definir um plano de ações totalmente adequado e possível de ser realizado nesses 90 dias, aproximadamente.


Basicamente, o que você precisa é de equilíbrio para manter a mente nas estrelas, sem tirar os pés do chão, ou seja, traçar alvos realistas para conseguir resultados grandiosos. Agora que já sabe como definir metas, não perca tempo em planejar seu futuro e buscá-lo com sucesso!


Fonte

https://rockcontent.com/br/blog/como-definir-metas/

Commentaires


bottom of page